Prefeito morre e ‘estreia’ nova área de cemitério construída em sua da gestão

0

José Pedro Pires da Rocha (PSB), conhecido como Zé Galego, tinha 64 anos e morreu após sofrer um infarto na sexta-feira (17).

O corpo do prefeito de Bonito de Minas , no interior de Minas Gerais , foi o primeiro a ser enterrado em uma área do cemitério municipal construída durante a própria gestão dele. José Pedro Pires da Rocha (PSB), conhecido como Zé Galego, tinha 64 anos e morreu após sofrer um infarto na sexta-feira (17). O corpo dele foi sepultado no domingo.

Segundo informações do G1 de Minas, o infarto ocorreu durante uma viagem que o prefeito fazia de Brasília para Bonito de Minas. Ele havia ido à capital para assinar documentos para doação de máquinas ao município, que tem cerca de 11 mil habitantes.

Antes da morte de Rocha, moradores e vereadores de de Bonito de Minas chegaram a mencionar coincidência. Eles citavam a novela Bem-Amado , exibida pela TV Globo em 1973, no qual a personagem Odorico Paraguaçu, prefeito da cidade fictícia de Sucupira.

Na história, a personagem foi eleita com a promessa de que a população ganharia um cemitério, mas foi ele quem acabou “estreando” a construção.

“Já haviam falado com ele sobre a novela, mas ele dizia que não acreditava nisso”, disse Miqueias Figueredo (PTB), vereador e amigo do Rocha.

Ainda de acordo com o vereador, a obra de ampliação era uma reivindicação da população e dos vereadores, já que a parte antiga do cemitério tem mais de 50 anos e não comportava mais túmulos.

Share.

About Author

Comments are closed.